terça-feira, 6 de abril de 2010

CHUVA ARRASA COM O RIO DE JANEIRO

       As chuvas que caem no Rio de Janeiro desde a tarde de ontem estão fazendo um estrago muito grande em nossa cidade. Há muito tempo não vemos um temporal como este. Lembro-me quando criança, de uma forte chuva que deixou muitos desabrigados e mortos no Rio. Meu pai, naquela época, atuou como voluntário na sede da Globo, auxiliando os muitos desabrigados. Hoje, estamos vivendo situação, se não igual,talvez mais difícil. Em quatorze horas choveu o correspondente ao dobro da média em  um mês. Isto ocorreu devido a entrada de uma frente fria e uma massa de ar vindo do oceano, trazendo umidade, que se transformou em precipitação sobre a área de nossa cidade.
     Será que todas as vezes que chover com mais intensidade no Rio vamos ficar nesta situação de perigo?Há quantos governos( prefeitos e governadores) que este problema se repete e nada é feito, pelo menos para melhorar, se não é possível resolvê-lo?A culpa é da chuva? A culpa é da população que não tem educação ambiental, jogando lixo nas ruas, bueiros, etc ? A culpa é das pessoas que realizam a ocupação irregular das encostas ? Agora, não é hora de culpar ninguém. Temos que resolver o problema das pessoas que ficaram desabrigadas, ressarcir o prejuízo de outros, enterrar os mortos e não votar nas pessoas erradas no futuro.

Um comentário:

Kátia Vieira Silva disse...

Olá amiga. Senti na pele esse problema das enchentes,pois estava chegando de Petrópolis e enfrentei enorme dificuldade para chegar em casa.
Nossa cidade está totalmente despreparada para enfrentar esse desafio.E a população é quem sofre com os desabamentos...
Um trecho de um poema meu diz o seguinte:
" E sinto tristeza com toda certeza
não vejo a beleza do mundo surgir
E rezo baixinho, pedindo ao pai
Que o mundo desabe num canto de paz."
( Kátia vieira Silva-"Quatro formas de sentir." Litteris Editora/2004)